CRISE NO MEIO MUSICAL?


Enquanto as músicas continuarem tocando em Rádios, Shows, TVs, Novelas, Locais Públicos e Restaurantes, nunca haverá qualquer crise financeira para os autores.

Hugo Bellard Universal Music

Foi pensando naquele letrista que está em uma cidade distante sem chances, que o Produtor e Maestro Hugo Bellard, autor e arranjador de dezenas de Discos de Ouro e Platina, decidiu aproveitar o site MusikCity para oferecer a novos parceiros, compositores e letristas, a oportunidade de compor uma ou mais músicas em parceria, para ficarem disponiveis para o meio musical.

Para cantores e bandas, ele criou a oportunidade de terem seus trabalhos encaminhados diretamente para o meio musical, para os produtores musicais e Diretores de Gravadoras no Rio de Janeiro e outras praças.

Em relação à parceria (letra + música), esta música ficará 50% para cada um se adiante o produtor de um Cantor de Nome ou Editora Musical pedir repertório no gênero dessa música.

O letrista receberá uma gravação da música, e esta ficará no site tocando, com a divulgação do nome do Letrista parceiro. Devido aos custos da gravação, há um valor que é cobrado.

Já para compositores que tem uma música pronta, o maestro criou o trabalho de divulgação para Produtores Musicais e Gravadoras, que também serve para cantores, duplas, bandas, letristas e compositores.

Roupa Nova e Hugo Bellard
Na foto a galera do Roupa Nova - Kiko, guitarrista (esquerda) e Nando, baixista (direita) -
ao centro o maestro Hugo Bellard


Escolha aqui o que quer:

1-MUSICAR SUA LETRA e MAIS INFORMAÇÕES

2-DIVULGAR SUA MÚSICA PRONTA PARA GRAVADORAS e PRODUTORES MUSICAIS DOS CANTORES

3-SOU CANTOR ou BANDA, QUERO DIVULGAR PARA
PRODUTORES e DIRETORES DE GRAVADORAS


 

QUER OUTRAS INFORMAÇÕES?

1-Quanto um autor ganha cada vez que uma música toca?

2-Quanto ganha quando entra em novela?

3-Quero mais informações do Produtor e Maestro Hugo Bellard:

página do maestro - carreira


 

MAPA MUSIKCITY

 

-
Localização: para todo o Brasil - atualizado em 15 de outubro de 2017.